Voltar...


Quero voltar a sentir,..a boca seca pelo desejo...o corpo acesso pelo frenesim da vontade...a loucura presa nos olhos...e o sexo rasgando-me as entranhes. 
Quero querer como quem quer...saber como quem sabe, o bem que o prazer faz...dar-me como se nunca me tivesse dado...sem pressa mas com urgência...
Esquecer a hora, apreciando cada segundo...gladiar o meu corpo contra outro corpo...sentir-lhe as formas e desenformar orgasmos que em cascata se soltam de mim.
Quero voltar ao corpo presente...ao corpo de estar...ao corpo de ser...dizer o grito mudo que a garganta não solta, porque se quer calado...quero as meias palavras porque inteiras não saem, porque beijos as travam...
Quero sabor de homem na boca...cheiro de homem na pele...lábios para lambuzar...línguas sabedoras do seu lugar, quando se passeiam pelo meio das minhas pernas...   
Não quero pouco...quero o muito, porque sou mulher disso, não de menos...o menos não me chega, não me acalenta, não me satisfaz...quero o cansaço que fica no depois, mas junto com a determinação de em breve voltar ao corpo, voltar ao desejo, voltar ao prazer.

*** @rt ***

2 comentários:

  1. Fiquei sem respiração Imperatriz :-)
    sempre sexuais as tuas palavras.
    parecem sussurros.
    parecem se contigo.
    Volta. Mas volta para quem te queira de verdade.

    beijitos

    ResponderEliminar
  2. Obrigada pelas tuas palavras em relação às minhas...
    eu não tenho para quem voltar...tenho para onde voltar, porem fica longe, distênciei-me bastante...

    beijo

    ResponderEliminar

Partilha-te...